4 de dezembro de 2018

TUCURUI/PA - EX-PREFEITO SANCLER TEM PRISÃO DECRETADA

A cidade de Tucuruí, sudeste do Pará, amanheceu de novo agitada nesta terça-feira (4). 

Uma operação do Ministério Público do Estado (MPPA), com apoio da Delegacia de Repressão a Defraudações Públicas da Polícia Civil, está nas ruas, desde as primeiras horas da manhã, cumprindo mandados de prisão e de busca e apreensão em vários endereços da cidade. Os alvos da operação são o ex-prefeito Sancler Antônio Wanderley Ferreira (PSDB), ex-secretários e outras pessoas ligadas ao governo dele.

Segundo as primeiras informações, o motivo das prisões seriam fraudes em licitações, que teriam dado um prejuízo de mais de R$ 50 milhões à Prefeitura de Tucuruí.Mas essas informações ainda não foram confirmadas pelas autoridades.

Os presos estão sendo conduzidos para a Superintendência de Polícia Civil do Lago de Tucuruí, onde devem passar por procedimentos de acareações.

Os mandados de prisão, além do ex-prefeito Sancler Ferreira, alcançam também Ronaldo Lessa Voloski (ex-chefe de Gabinete do prefeito), Francisco Souto de Oliveira Júnior, Raimundo Germanio de Souza, Anísio Pacheco Ribeiro, Mariely Belich de Sousa, Márcio Hiroshi Moreira Kamizono, Orlando de Deus e Silva Neto, Luana Pereira Pantoja, Edson Andrey Furtado da Costa, Adeval Patrício Gouveia Souza, Lucas Fernando da Costa Menezes e Luiz Guilherme da Silva Araújo.

A ação, segundo a imprensa local, foi impetrada pela promotora Vanda Lobato. No comando da equipe da Polícia Civil está o delegado Carlos Vieira. Sabe-se que pelo menos uma empresa, a CTP e Construpar, é alvo de mandado de busca e apreensão.

Via  blog do Xarope

Reações:

0 comentários: