11 de setembro de 2018

FALSO POLICIAL CIVIL USAVA UNIFORME PARA APLICAR GOLPES

Falso policial tirava fotos com arma e uniforme para aplicar golpes em mulheres

Divulgação/Polícia Civil de MT

Um jovem pilantra identificado como Airton Alex Nunes, de 26 anos, conhecido como Alex Bafo, foi preso nesta quinta-feira (6) em Sinop, a 503 km de Cuiabá/MT, após se passar por investigador e compartilhar fotos usando armas, distintivo, uniformes semelhantes à Polícia Civil. 

De acordo com informações do portal Alagoas 24 horas, Airton Nunes começou a ser investigado depois que fotos dele circularam em aplicativos e redes sociais. Nas imagens, ele aparece vestido de policial e se exibe com armas e coletes.

Durante as investigações, a Polícia Civil descobriu que o Alex Bafo se passava por policial civil para extorquir vítimas e aplicar golpes. Ele chegou a tentar aplicar um golpe de R$ 30 mil em uma vítima.

O falso policial, que estava com pedido de prisão decretada, foi localizado no momento em que saía de um bar a bordo de uma BMW. Cheques preenchidos em nome de outras pessoas, diversos cartões bancários em nome do suspeito e de outras pessoas foram encontrados no veículo.

(Foto: Divulgação/Polícia Civil de MT)

O caso

No dia 30 de julho chegou ao conhecimento da Polícia Civil que um homem se passava por investigador nas redes sociais. No dia 8 de agosto o suspeito foi ouvido na Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Cuiabá. Ele confessou que usava o uniforme e a arma para atrair mulheres que conhecia pelo WhatsApp. Ele contou que comprou o material em um site de compras e vendas.

Inicialmente o rapaz respondia criminalmente por uso ilegítimo de uniforme ou distintivo, posse ou porte de arma de fogo. Porém, após as investigações foi constatado que ele usava o material para aplicar golpes.

(Com informações do portal Alagoas 24 horas)

Reações:

0 comentários: