5 de fevereiro de 2018

ITAITUBA/PA - PRESO EM ITAITUBA ELEMENTO QUE TENTOU MATAR CABELEIREIRO EM SANTARÉM

Jonas foi preso na tarde de hoje na cidade de Itaituba

O meliante, JONAS OLIVEIRA DOS REIS, vulgo "comprido" ou "Mano", 19 anos, foi preso na tarde desta segunda-feira (5), em Itaituba, no oeste do Pará, suspeito de balear na manhã de hoje, dentro de um salão na Avenida Marajoara, bairro Aeroporto Velho, o cabeleireiro Gustavo Sousa Oliveira, também de 19 anos. A vítima estava cortando o cabelo de um cliente quando foi atingida no pescoço.

Informações preliminares da Polícia Civil são de que, o crime teve motivação passional, uma vez que o suspeito já havia tido um relacionamento afetivo com a atual namorada do cabeleireiro.

O suspeito está sendo conduzido por uma equipe da Polícia Militar de Itaituba, para Santarém. A previsão é que ele chegue ao município por volta das 23h desta segunda-feira.

Nota
Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde de Santarém informou que Gustavo Sousa de Oliveira, passou por procedimento cirúrgico, apresentando quadro clínico estável. Ele permanece internado no setor de reanimação do Pronto Socorro Municipal (PSM). 

O CASO

Cabeleireiro é baleado dentro de salão enquanto corta cabelo de cliente; veja vídeo abaixo. Segundo a PM, dois homens chegaram de moto, sendo que um desceu, entrou e atirou. O jovem, de 19 anos, foi socorrido e levado ao Pronto Socorro Municipal (PSM).

Cabeleireiro é baleado dentro de salão enquanto corta cabelo de cliente.

Um cabeleireiro foi baleado dentro do salão de beleza quando trabalhava na manhã desta segunda-feira (5), no bairro Aeroporto Velho, em Santarém, oeste do Pará. Segundo a Polícia Militar (PM), Gustavo Sousa Oliveira, de 19 anos foi atingido na região do pescoço. Ele foi socorrido e levado ao Pronto Socorro Municipal (PSM).

Conforme a PM, dois homens chegaram de moto ao local. O carona teria descido e efetuado o disparo contra o jovem, que atendia um cliente na hora do ataque. O suspeito ainda fez outros disparos, mas a arma falhou e os dois fugiram. A autoria e a motivação do crime são investigadas, mas a polícia suspeita de uma tentativa de execução.

Câmeras de monitoramento registraram a ação e revelam o momento exato do crime. Os dois chegam na moto. O carona desce e sem tirar o capacete, entra no salão e aponta a arma para a cabeça cabeleireiro e atira. A vítima cai e o suspeito tenta atirar outras vezes. A ação durou menos de um minuto. As imagens vão ajudar a polícia a identificar a dupla. (veja acima o vídeo)

A Secretaria de Saúde informou que o paciente Gustavo Sousa de Oliveira está em estado grave, realizando exames e deve passar por uma cirurgia.

JK com informações do G1

Reações:

0 comentários: