15 de junho de 2017

CURITIBA/PR - 'TRAFICANTE GATA' É PROCURADA POR TRÁFICO DE DROGAS

Jovem estava foragida há dois meses e é investigada por participar de explosões em caixas eletrônicos.

Apesar do rosto escondido pelos fios de cabelo louros, Mayara Borcatti da Silva, 21 anos, ainda chamava a atenção, com um vestido cinza curto e colado ao corpo e moletom rosa. Presa em setembro do ano passado com drogas, ela foi liberada no mesmo mês. 

Desta vez, voltou a ser detida pelo Centro de Operações Policiais Especiais (Cope), suspeita de integrar uma quadrilha responsável por explosões de caixas eletrônicos em várias cidades do Estado.

De acordo com o delegado Rodrigo Brown, do Cope, Mayara foi denunciada pelo Ministério Público juntamente com outras 41 pessoas, suspeita de fazer parte dessa associação criminosa que teria agido em 29 cidades do Paraná – em crimes das modalidades de explosões de máquinas e cangaço (quando a cidade é tomada e são feitos reféns durante a ação contra os bancos). Um mandado de prisão foi expedido contra ela, que estava foragida há dois meses.

Desde que foi presa com mais de 2 kg de crack e 35 comprimidos de ecstasy, em setembro/2016, Mayara mudou-se do Bairro Alto para um apartamento “chique” no Água Verde para despistar a polícia. Foi ali onde foi detida, na manhã desta quarta-feira (17).

O delegado disse que ela é suspeita de dar apoio aos marginais que explodiam caixas eletrônicos, guardando armas e veículos roubados pela quadrilha que eram usando nos crimes. (Fonte: lobão)

TRAFICANTE JÁ TINHA SIDO PRESA ANTERIORMENTE

MAYARA BORCATTI DA SILVA, DE 20 ANOS, FOI PRESA COM O MARIDO E UM AMIGO EM CURITIBA (PR)


Uma jovem de 20 anos foi presa com o marido na última segunda-feira, em Curitiba, no Paraná. Mayara Borcatti da Silva é conhecida como a Traficante Gata por causa de sua beleza, e ostentava uma vida de luxo nas redes sociais com o dinheiro proveniente do tráfico de drogas.

Mayara foi presa juntamente com o marido, Rafael Dornelas dos Santos, de 26 anos, e o amigo, Anderson da Silva, de 31 anos. O trio é suspeito de estar envolvido com o tráfico de drogas na capital paranaense

O trio foi detido em uma casa no bairro Cajuru, local onde costumavam se reunir. No local, foram apreendidos mais de dois quilogramas de crack, 35 comprimidos de ecstasy, cocaína, maconha, além de celulares, dinheiro e equipamentos eletrônicos

Os três jovens foram presos após uma operação do Centro de Operações Policiais Especiais-COPE e do Departamento de Inteligência do Estado do Paraná-DIEP, na segunda-feira (21)

A jovem se exibia por meio de fotos em várias baladas e festivais de música. É possível também ver imagens em que Mayara esbanja luxo em apartamentos com vistas panorâmicas de praias

Mayara cursava direito em uma universidade de Curitiba e se casou com Dornelas no dia 15 de julho de 2016.




Imagens: Facebook

Reações:

0 comentários: