7 de outubro de 2016

ITAITUBA/PA - CÂMARA DE VEREADORES. ISAAC DIAS E CÉLIA MARTINS: O MAIS DO MESMO!

O vereador Isaac Dias, à esquerda, usou a tribuna para dizer que sabe os motivos pelos quais não conseguiu renovar seu mandato.
O edil avaliou seu desempenho nessa legislatura como positiva, pois tem cumprido e cumprirá até o dia 31 de dezembro do corrente ano, os propósitos que o levaram até o parlamento municipal.
Falar sempre o que pensa, sem receio de que isso agrade a uns e desagrade a outros, nunca foi sua preocupação, disse.
Isaac lembrou uma frase do líder do movimento negro americano, Martins Luther King: “Se você quiser fazer inimigos, não precisa declarar guerra; basta dizer o que pensa”. Foi além, afirmando que não só diz o que pensa, como declara guerra quando entende que é preciso.

“Olhem que vergonha essa nossa Mesa Diretora (imagem acima). Foi uma luta minha, por uma organização decente nesta Casa. Vejam como está neste momento, vazia, somente o segundo secretário (vereador Toínho Piloto, que presidia a sessão naquele momento).
Não mudaria nada no seu comportamento enquanto vereador.
Ele repetiu várias vezes no decorrer desses três anos e nove meses, que não tinha pretensão de mudar a Câmara, assim como não queria mudar ninguém, mas, que não se deixaria mudar pelo sistema.

Perseguição
“O prefeito eleito disse que não iria perseguir ninguém, mas não é o que parece.
Ontem, um dia após a eleição, o professor Ribamar Almeida (candidato a vereador do lado de Valmir), esteve dentro da secretaria de Educação, dizendo que estava lá a mando do Valmir, andando de sala em sala para dizer a cada servidor, que quem não tirou férias, não vai mais tirar, e que esse ou aquele servidor será mandado para o Crepurizão e para não sei mais aonde”, afirmou o vereador líder do PSB.
Elogios
Jota Parente, jornalista sério: No começo do seu discurso, Isaac dirigiu-se ao jornalista Jota Parente, que acompanha as sessões da Câmara quase todas as semanas. 
“Faço aqui uma referência ao jornalista Jota Parente, que é um jornalista que está presente a todas as sessões da Câmara. Se você perguntar quem é o vereador que paga a ele por matéria, você não ver nenhum no jornal dele (Jornal do Comércio).
Ele publica no jornal dele, aquilo que ele sente que a sociedade precisa saber. Por isso, é criticado e alguns até o chamam de bobo, porque ele poderia estar ganhando dinheiro do Executivo, poderia estar ganhando dinheiro do Legislativo, mas, não, prefere manter sua coerência. E eu o parabenizo por isso, Jota Parente”, afirmou o vereador.

Vereadora Célia Martins: “se tivesse dinheiro, compraria votos
Essa foi uma declaração impactante da vereadora Célia Martins, que embora não tenha sido reeleita, foi bem votada.
Ela disse que, embora a lei proíba, tem muita gente que ainda compra votos, afrontando a democracia.
“Com todo respeito à Democracia, de tanto ver pessoas sem escrúpulos comprando votos no dia da eleição, se eu tivesse dinheiro, com certeza teria comprado votos, porque infelizmente é assim que ainda muita gente faz”.

Nota do Blog: Os dois vereadores acima, que são da educação, tiveram uma grande e única oportunidade mas, findando o mandato, continuam como começaram: sem nada para mostrar!
O vereador Isaac Dias, ao fazer acusações levianas contra o 'candidato' Ribamar Almeida, demonstra  que continua inconsequente; o professor Ribamar, que não foi candidato a nenhum cargo eletivo nas eleições atuais, fez um Boletim de Ocorrência contra o edil! Quanto à vereadora Célia, demonstrou durante todo o seu mandato que não se poderia esperar muito cousa dela, mas ela se superou! Ficarão na história!!

Reações:

10 comentários:

Anônimo disse...

analisando com calma os motivos pelos quais oito vereadores não conseguiram renovar os seus mandatos e si percebe que não houve nenhum caso de injustiça por parte do povo, acontece que certos vereadores quando eleitos esquece que quem os elegeram foi o povo e não o prefeito....era a cidade mergulhada em um mar de abandono total e esses que não si reelegeram ignorando o povo e praticamente achando que o povo era burro, e a população sofrendo calada,e como diz a a matéria acima que vereadora célia martins iria comprar os votos que talvez ela precisaria,ignorando que o poder aquisitivo jamais vai comprar a dignidade das pessoas....portanto nem Célia nem Izaac e nenhum que ficaram pelo caminho fizeram por merecer voltar aos seus cargos,pq esse cargo é dado pelo povo e não por prefeito,nenhum de vcs fizeram nada e nunca pensaram no bem do povo e portanto que sirva de lição aos que irão assumir seus cargos em janeiro....ESSES CARGOS NÃO SÃO DE VCS, E SIM NOSSO, E VCS APENAS FORAM NOMEADOS PARA NUS REPRESENTAR.!!!!!!!!!!!!!!!

Jose Cardoso disse...

Olhai a lição da "professora"; compraria votos! Aonde estamos.

Jose Cardoso disse...

Por falar em educação, cade o exemplo da "professora" que fala em comprar votos? Na verdade cada um dá o que tem: fez bem não ter voltado!

Anônimo disse...

O legado de Isaac, na câmara de vereadores foi este, sempre querer aparecer as custas dos outros. Foram inúmeras pessoas acusadas sem provas por este cidadão que já vai tarde. Tchau querido.

Anônimo disse...

Que o povo seja correspondido, tanto pelo prefeito quanto pelos vereadores. Não esqueçam o interesse público, com o dinheiro do povo

Anônimo disse...

O bairro da liberdade deu sua resposta, nenhum vereador do bairro foi eleito. que isso sirva de lição para os vereadores que foram eleitos pelo bairro.

Anônimo disse...

Acho melhor representarem o povo vestidos do que nús

Anônimo disse...

So que o bairro da liberdade que se cuide pois o secretário de infra estrutura vai ser o incompetente e duas cara, o ex vereador decepcionante ORISMAR ...Valmir começou fazendo cagada ...!!!

Anônimo disse...

E só quem ganhou quem comprou eu tenho foto candidato comprando voto até trezentos era o e ele ganhou eu so não vou dize quem deixa ele assumir

Jose Cardoso disse...

Enquanto os maus politico ganham a eleição, o povo perde em tudo - a limpeza na Câmara de vereadores de Itaituba deveria ser maior. Bem maior ! So se vê politico querendo ganhar eleição e o povo cada vez mais se ferrando! Os "educadores" até adotaram a ideia ardilosa de que não estão em colégio para educar. È verdade, a gente so pode dá o que tem. Quem tem, dá o que tem !