31 de janeiro de 2016

ELEIÇÕES 2016 - QUAL O DESTINO DE ELIENE NUNES?

Eliene não tem Plano B sobre novo partido


A oito meses das eleições municipais e a dois para o encerramento do prazo das filiações partidárias, a prefeita Eliene Nunes ainda está sem partido e não é por falta de convite, pois a gestora municipal recebeu um convite formal para se filiar ao Partido Social Cristão, que aqui no estado é comandado pelo vice-governador Zequinha Marinho.
Se a prefeita resolvesse ir para o PSC, já teria assegurado no seu palanque o vice-governador do Estado, a deputada federal Júlia Marinho e, provavelmente, o apoio da grande maioria dos fieis da igreja Assembleia de Deus. Mas, o projeto político da prefeita é tentar a sua reeleição pelo PSDB, e para isso tem ido seguidamente a Belém tentar concretizar esse seu desejo e, por tudo que estamos acostumados a ver na política brasileira, convenhamos que o desejo da prefeita não é impossível de ser realizado.
A questão nesse caso é que o PSDB já tem uma pré-candidatura lançada, o partido já está estruturado em torno do seu pré-candidato; e o mais importante: ele não vai precisar de apoio financeiro de ninguém para tocar a sua campanha.
Diante desse quadro, só há um jeito da prefeita conseguir as benções de Simão Jatene para se filiar ao PSDB, é convencer o governador que a sua candidatura é a única capaz de derrotar o seu arquirrival PMDB, mas não basta apenas o discurso, é preciso provar que na pratica isso pode acontecer e as pesquisas de intenção de votos é que podem sacramentar essa decisão da direção estadual do PSDB. 
A prefeita está confiante que pode ganhar essa disputa, por isso vai esperar até o ultimo momento pela palavra do governador, mas diz o bom senso que para qualquer missão que se vá é importante ter um plano "B". Só que nesse momento a prefeita só tem olhos para o PSDB e se sua obsessão não for concretizada, futuramente a prefeita poderá enfrentar dificuldades quando for bater nas portas de outras siglas. 



Jornalista Weliton Lima, comentário do Focalizando, de quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Reações:

3 comentários:

Anônimo disse...

O destino de eliene será mesmo a sala de aula ou quem sabe uma assessoria do governo do estado assim como fez na época em que deixou a secretaria de educação, que ao invés de voltar às suas funções normais professora preferiu pedir uma assessoria para Simão jatene, talvez por ter se acostumado com a vida boa secretaria, assim resolver sair candidata a prefeitura para ter uma vida melhor ainda do que nos tempos de Semed. Mas seus dias de princesa estão acabando faltando apenas dez meses de seu reinado que nada deixará saudade pra ninguém. Nem os próprios professores que erame seus principais aliados na campanha passada.

Anônimo disse...

O destino da Eliene será o de pastar no brejo........Bem longe daqui pelo amor de Deus!!!

Anônimo disse...

acho que a prefeita ELIENE nunes poderá ser releita isso mesmo, pois Itaituba não tem candidatos para competir com ela. Valmir tem uma grande rejeição em Itaituba Roselito não sai , Ivan niguem nunca ouviu fala , e Paulo gilsom vai apoiar Eliene novamente .