12 de dezembro de 2015

MOMENTO POÉTICO!

Momento poético: No oitavo dia.


Flávio Tapajós
(Pseudônimo de Felisbelo Jaguar Sussuarana)



Depois do sétimo dia,
Deus mirou seu vasto feito
E viu que à terra vazia
Faltava um lugar eleito:

Um lugar que retratasse
O gênio seu criador
E inveja ao mundo causasse
Pelo mágico esplendor.

E, grave, ufano, um pedaço
Arranca do céu d’anil
E, grave, lança-o no espaço:
Nasceu então o Brasil!

E Deus, para protege-las,
Às plagas filhas do Azul,
Acendeu, todo de estrelas,
O seu Cruzeiro do Sul.

E a cruz de fogo divino,
Brilhando lá na amplidão
Ao Brasil mostra o destino:

– ser grande, sendo Cristão!

Postado por Sidney Canto

Reações:

0 comentários: