4 de dezembro de 2015

ITAITUBA/PA - SUPERMERCADO, POR DECISÃO JUDICIAL, É DIVIDIDO NO MEIO POR TIJOLOS

JUSTIÇA CONCEDE ORDEM DE EMISSÃO DE POSSE EM FAVOR DE UM EMPRESÁRIO QUE ADQUIRIU, EM LEILÃO, UMA PARTE DO PRÉDIO DO SUPERMERCADO “CASTANHA”, NO BAIRRO BELA VISTA. A ORDEM FOI CUMPRIDA NESTA MANHÃ >>> A movimentação em frente ao supermercado “Castanha”, na travessa 13 de Maio, chamou a atenção e logo um grupo de curiosos se formou no local. Uns diziam que se tratava de assalto e chegou a ser cogitada até a possibilidade de seqüestro. Mas, na verdade, foi o cumprimento de uma ordem de emissão de posse expedida pela Justiça. Homens do policiamento ostensivo e do Grupo Tático da PM foram destacados para garantir a segurança durante o cumprimento da ordem judicial.


Segundo informações do empresário Judson Lira, que ajudou a coordenar a ação, a ordem foi expedida por conta da compra, em um leilão da Justiça, de uma parte do prédio do supermercado. Essa parte mede 12 por 30 metros. O valor do arremate não foi revelado, mas, de acordo com o empresário, tão logo foi oficializada a compra, o dono do supermercado, o empresário Ezequiel Castanha, de Novo Progresso, foi comunicado, mas não houve nenhuma providência para desocupar a porção do prédio em questão. Agora, com o aval da Justiça, Judson providenciou tijolos, ferragens e cimento para fazer a divisão do prédio. O cumprimento do mandado aconteceu em clima de normalidade.

O leilão foi realizado pela Justiça em Março de 2014 e, segundo o empresário Judson Lira, em quase dois anos, nunca houve sequer um aceno do dono do supermercado em fazer um acordo. Judson diz, ainda, que, nesse tempo, nunca recebeu nenhuma compensação pelo uso da parte que lhe cabe no prédio. “Os últimos avisos dados a ele foram em setembro passado e na última segunda-feira (30). Agora, não há outra alternativa”, disse empresário, que, com a presença dos oficiais de Justiça, acompanhou o cumprimento da ordem judicial. - Texto e imagem: Jean Galego, via Whatsapp

Reações:

0 comentários: