16 de novembro de 2015

ALENQUER/PA - PREFEITO É AFASTADO PELA CÂMARA!

(Foto: Karla Lima/TV Tapajós)
Prefeito de Alenquer é afastado por crime de improbidade

Afastamento ocorreu por irregularidades na secretaria de educação
 
Por: G1/Santarém Em 16 de novembro, 2015 - 15h08 - Pará

A Câmara de Vereadores de Alenquer, no oeste do Pará, decidiu afastar por 90 dias o prefeito de Alenquer, Flávio Marreiro, por improbidade administrativa. A decisão ocorreu na manhã desta segunda-feira (16), após votação. 10 votos foram favoráveis ao afastamento, 2 contra e 2 abstenções.

De acordo com o presidente da Câmara de Vereadores, Laercio Calderaro, o afastamento ocorreu após denúncias de irregularidades na secretaria de educação do município.

A Câmara de Alenquer tem poderes para afastar prefeitos por até 180 dias em casos de improbidade administrativa. A emenda a lei orgânica do município foi aprovada em 2º turno no dia 26 de outubro de 2015.

O G1 tentou contato com o advogado do prefeito, mas sem sucesso. O secretário de educação no município, Antônio Patrício, informou que a Semed ainda não foi notificada oficialmente sobre o caso. Ele disse ainda que o prefeito deve se pronunciar sobre o assunto após receber orientações do advogado.

Reações:

4 comentários:

Anônimo disse...

Que sirva de exemplo pros nossos edis. Aqui depois de comprovadas várias irregularidades através de uma "pseudo" CPI, nossos "pseudos" representantes calaram a boca com o "leitinho" da baixinha.... E ainda tem gente que tem o desplante de dizer que o vereador que não estiver do lado do prefeito não faz nada... Nada pra quem????

Anônimo disse...

A CÂMARA DAQUI PRECISA É DE MUITA VERGONHA NA CARA!!!! CAMBADA DE SAFADOS!!!!

Anônimo disse...

Outro dia eu perguntei para um vereador que era da base do governo por que ele era do lado da prefeita, ele falou que gastou muito na campanha e que precisava empregar alguns de seus apadrinhados na prefeitura, só que agora ele viu que o barco tá afundando e resolveu sair de vez da base da prefeita. Então assim como esse vereador outros estão na mesma situação que estão só esperando a hora certa pra pular do barco. O que é lamentável você eleger um vereador pra fiscalizar pelo menos o executivo porque é o minimo que eles podem fazer, porque se ver poucos projetos apresentados e os poucos aprovados nunca são colocados em prática, então ele poderiam pelos menos fiscalizar a prefeita, mas preferem ser capacho do governo.

Anônimo disse...

Esse episódio devia servir de exemplo para nossos vereadores e outras pessoas que deviam zelar pelo cumprimento das leis, mais que estranhamente arquivaram a CPI, quando do mínimo deveriam arquivar mais investigar as várias irregularidades encontradas.