15 de abril de 2015

ASFITA REPUDIA USO DE SEU NOME INDEVIDAMENTE POR ASSOCIADA IRRESPONSÁVEL!

NOTA DE ESCLARECIMENTO


A Associação dos Filhos de Itaituba - ASFITA, É uma organização sem fins lucrativos, de duração ilimitada, com múltiplas finalidades sociais, e que vem ao longo dos anos desenvolvendo atividades de elevado interesse social no município de Itaituba, fortalecendo o espírito humanitário em detrimento das camadas sociais menos favorecidas.

Com o propósito de melhor definir suas metas sociais e as relações com a sociedade local e tem como missão, unir e valorizar os filhos natos e adotados, levando as necessidades e expectativas, e juntos lutar por uma Itaituba da qual possamos nos orgulhar.

Portanto, não justifica que o nome desta entidade seja usada de forma leviana, desvalorizando sua essência.

A questão adotada nesta nota, nos muito entristece pela forma que uma associada, sem autorização da atual presidência, diretoria e demais associados, comprometeu o nome desta respeitosa associação em uma manobra politica, nos deixando perpeplexos diante da gravidade de tal fato.

A associada Sandra Azevedo, usando de má fé para com esta entidade, denunciou de forma inconsequente o ex- prefeito Valmir Climaco de Aguiar ao Ministério Público Estadual por desvios de recursos públicos na construção de uma escola de ensino infantil e fundamental, além da construção de uma quadra polivalente anexa na Escola municipal Cesar Almeida, no Distrito de Moraes Almeida, realizando o vultoso pagamento da quantia de R$- 3.449,335,00, à empresa Lobato e Araújo Construtora Ltda (Terra Construtora) sem que a obra fosse concluída. Segundo a denúncia, a obra estaria orçada em R$- 2.742,786,64.

O fato da ASFITA na pessoa de sua presidente Regina Macedo de Oliveira, diretoria vigente e associados, não endossar a denúncia protocolada pela associada Sandra Azevedo, implica que a mesma não foi honesta com esta diretoria. Acrescentamos que apesar da associada Sandra Azevedo ser Diretora de Cultura da ASFITA, porém, desde a formação da atual Diretoria há três meses, a associada Sandra Azevedo não compareceu em nenhuma das reuniões que ocorrem às quartas-feiras na sede da associação, sempre às 18h.

O que nos fortalece em não comungar com sua decisão isolada é porque a ASFITA tem conhecimento profundo dos princípios éticos, morais e sociais que a entidade deve desempenhar e, uma vez que a associada Sandra Azevedo já exerceu a função de vice-presidente na diretoria passada, cremos que diante da confiança que lhe foi depositada, ainda está na posse de carimbos, CNPJ, papel timbrado e etc, os quais usou para, imprudentemente, usar o nome da ASFITA, para tal denúncia, ignorando as regras básicas da entidade e violando seus próprios direitos como cidadã itaitubense.

Queremos esclarecer que a ASFITA, luta, defende e trabalha em prol do bem comum da coletividade, sem desmerecer, descriminar ou desvalorizar seu bem mais precioso, que são seus associados. Bem como apoia todo e qualquer direito dos seus filhos, respaldados por Lei, e por isso não é a favor de qualquer ato ilícito que venha comprometer o município e apoia toda e qualquer denúncia, desde que seja feita de forma responsável e dentro dos rigores da Lei.

Portanto, certa que agiu de forma incorreta, Sandra Azevedo, diante da minha pessoa como presidente, e as diretoras Ana Baima, Elizabete Gaspar, Tomázia Oliveira e Maria Cândida, comprometeu-se em falar com seu advogado para retirar imediatamente o nome da Associação dos Filhos de Itaituba - ASFITA, da referida denuncia.

Neste caso isolado, a ASFITA, repudia o descaso da associada Sandra Azevedo, bem como a queixa apresentada e protocolada por Sandra Azevedo pelo fato de não ter sido consultada antes de qualquer decisão acerca da propositura da açãoi, a qual consideramos precipitada, uma vez que a ASFITA, foi ludibriada por sua associada que não mediu consequências para envolver o nome desta entidade como bode expiatório para suas manobras politiqueiras.

A ASFITA, comunica ainda, que nunca deu poderes a nem um associado para usa nome desta instituição indevidamente, muito menos para fins lucrativos particulares. E, ainda reforça que não passou nem uma procuração a nem um associado para explorar o seu nome.

E como se não bastasse, a associada Sandra Azevedo, mais uma vez está sendo ridícula quando tenta denegrir, de forma mentirosa, o nome das diretoras desta instituição, com palavras caluniosas na intenção de atribuir sua culpa a quem não converge com suas ideias mirabolantes. 
A tesoureira Elizabete Gaspar e a Diretora de Comunicação Tomázia Oliveira, respaldadas por esta associação, estão sendo vitimas de calunia e difamação por parte de Sandra Azevedo, que para justificar sua grave falta, está tentando colocar palavras e atitudes que se quer vieram a acontecer no ato em que compareceu à sede da ASFITA, para tentar justificar suas atitudes inconsequentes para com esta entidade.

Porém, justiça seja feita, queremos de antemão reconhecer publicamente, o trabalho desempenhado pela associada Sandra Azevedo, que desde a criação desta entidade, vem prestando relevantes serviços a esta instituição, mas que fique bem claro que isso não lhe dar o direito de usar o nome desta respeitosa instituição sem comunicar a sua Diretoria.

A ASFITA, comunica ainda, que nunca deu poderes a nem um associado para usar o nome desta instituição indevidamente, muito menos para fins lucrativos particulares. E, ainda reforça que não passou nem uma procuração a nem um associado para explorar o seu nome.

No mais, ficam nossas desculpas a quem por direito não concordar com a nossa justificativa, a qual respeitamos e aos nossos associados e simpatizantes, nossos agradecimentos, pelo apoio, o qual nos fortalece para continuarmos trabalhando em prol do nosso município.

Respeitosamente,

Regina Macedo de Oliveira- Presidente

Reações:

14 comentários:

Anônimo disse...

quero saber o que essa entidade chamada de asfita fez em prol da comunidade, moro em itaituba a 15 anos e nada fizeram pelo município e sim usar o nome da entidade para pedir coisas a si próprios hoje a atual presidente já fez muitas campanhas de pedidos, sem aparecer resultados.

Anônimo disse...

Essa prefeita mesmo não aprende mesmo. Na campanha passada usou a APAE pra fazer denúncias mentirosas em programa de mentiras eleitorais. Hoje usa Famocita e seus associados pra seu bel prazer. E agora a ASFITA isso tudo politicagem. Mas não adianta esse governo não tem mas jeito.

Anônimo disse...

Sabe de nada inocente

Anônimo disse...

a Sandra esta certa essa entidade não defende a moralidade, agora quer punir uma associada porque falou a verdade, tem que denunciar mesmo esse ex-prefeito desviou milhões e ninguem tem coragem de denunciar parabéns Sandra pela sua atitude, essa entidade não passa te uns filhos desmamados do Valmir

Anônimo disse...

ASFITA: Associação dosFilhos de Itaituba para a venda de AÇAI é so o que eu vejo,assistir perplexo a entrevista da Regina Lucirene quase chirando mas nao foi pelo uso do no dessa entidade mas sim por causa do WALMIR CLIMACO

Anônimo disse...

Eu aposto se essa denuncia de desvio de dinheiro público fosse contra a atual prefeita Eliene Nunes, teria o apoio de toda essa Asfita. na política sempre é assim dois pesos e duas medidas. Fato

Anônimo disse...

PARABÉNS A ASFITA, PELA ATITUDE QUE TIVERAM DE SI RETRATAR DE PUBLICO,E ENCONTRAR O CULPADO DE TAMANHO ATO BESTIAL, MUITO EMBORA EU NUNCA ACREDITEI QUE ESTE GESTO DE IRRESPONSABILIDADE TERIA PARTIDO DE UMA ASSOCIAÇÃO TÃO SÉRIA COMO É A ASFITA....,E QUE VCS ESTÃO CORRETOS EM DIZER TAMBÉM O NOME DA PESSOA QUE COMETEU ESSE CRIME, ESSE TIPO DE ATITUDE NÃO É PARA A ASFITA..,E SIM PARA AS ASSOCIAÇÕES QUE SÃO CRIADAS PARA FINS POLÍTICOS, COMO NO CASO DA "FAMOCITA" E ETC......

Anônimo disse...

A ASFITA defende então quem desvia recursos do erário? Por isso é uma associação desacreditada. O que essas senhoras fizeram pelo município nos governos do Fran Mendonça, Tibiriçá Cunha e Silvio Macedo?

Anônimo disse...

Olha essa idéia de girico da prefeita de Itaituba. Se juntou com a Famocita e quer lançar todos presidentes de bairros como candidato a vereadores, agora adivinha quem vai ser a principal financidora desses candidatos. Se você pensou Eliene Nunes, acertou. Mas o único intuito e fazer com que todos os presidentes pesam votos pra ela. Agora como um presidente vai pedir votos se ela não tem nenhum trabalho nesses bairros.

Anônimo disse...

Para os anônimos que não acreditam na ASFITA.Essa associação sempre vem lutando pelo desenvolvimento do nosso município sim; agora os que só sabem criticar e não vestem a camisa de um cidadão itaitubense, é bom procurarem outro rumo. É por isso que Itaituba está desse jeito por causa das acomodações e só criticarem. A ASFITA está de portas abertas para os filhos natos e adotivos desde que comunguem com a missão e os objetivos dessa Associação. ASFITIANA que ama essa terra.

Anônimo disse...

Para aos que não acreditam na ASFITA . Essa associação vem sim lutando por uma Itaituba melhor; agora quem só critica com seu egocentrismo, ou melhor, narcisista, é melhor tomar outro rumo. É por causa disso que Itaituba está desse jeito. A ASFITA sempre esteve de portas abertas tanto para seus filhos natos ou adotivos desde que comunguem com a mesma missão e objetivo dessa associação. É uma pena, as pessoas que aqui moram ou nasceram nessa terra tão acolhedora, têm um pensamento mesquinho. ASFITIANA . Uma filha que não foge a luta.

Anônimo disse...

Pergunte quantos anos tem safira, de quem foi o projeto que deu força à esta associação e quem cedeu o prédio para esta entidade.

Anônimo disse...

OOOOOOOOO

Anônimo disse...

OLA