5 de março de 2015

CÂMARA DE ITAITUBA PRESTIGIA SEUS SERVIDORES COM AUMENTO SALARIAL

ITAITUBA: CÂMARA CONCEDE REAJUSTE DE 12% PARA SERVIDORES

Nota do Blog: Esse reajuste é justo ante o aumento do repasse à Câmara da ordem de 17%, sendo que a diferença, acho eu, é para bancar outros aumentos de despesas, como de materiais de expedientes que, como se sabe, houve majoração nos preços. O aumento aos servidores demonstra o respeito dos vereadores com os serventuários da Casa, inversamente do demonstrado pela futura ex-prefeita de Itaituba, que sempre tem a ladainha de que não tem dinheiro, mas paga todo mês R$217 mil de aluguel dos diversos imóveis alugados à PMI, enquanto diversos prédios estão entregue às baratas, ratos e viciados!


Mesmo contra o voto do relator, vereador Isaac Dias, a Comissão de Finanças e Orçamento da Câmara aprovou o reajuste de 12% para os servidores do Poder Legislativo de Itaituba. A proposta foi votada hoje pela manhã no plenário da Câmara e foi aprovada por maioria, 14 vereadores, porque o relator Isaac Dias manteve sua posição contrária ao reajuste de 12%.

O vereador Isaac justificou que era contra o reajuste de 12% porque queria ter acesso à folha de pagamento discriminada dos servidores e também queria que o reajuste beneficiasse os funcionários comissionados daquele poder.

Entretanto, de posse de dados da contabilidade da Câmara, os demais membros da comissão acharam suficientes estas informações para dar este reajuste de 12%, que foi acatada pelo sindicato e pelos servidores do Poder Legislativo de Itaituba, que reivindicavam 13%. 
Fonte: Blog do Peninha.

Postado por Damião Cavalcante

Reações:

1 comentários:

Anônimo disse...

Na verdade o que vereador Isaac "Crô" Dias, quis foi não botar o governo em cheque, porque se dá um aumento pra câmara e não dá para os funcionários do município criar - se uma crise. Mas ainda bem que na câmara não tem só o vereador Isaac "Crô" Dias, e os outros tiveram bom senso, pois com tantos aumentos de gasolina, energia, gás e alimentos não dá pra se manter com o mesmo salário.