3 de setembro de 2014

JORNAL DO COMÉRCIO: NOVE ANOS DE SUCESSO

O Jornal do Comércio comemora 9 anos de fundação neste dia 3 de setembro

NOTA DO BLOG: Diante de tão alvissareira notícia, posto que vários períodicos tentaram se firmar em nossa cidade, parabenizo o dileto amigo e confrade, JOTA PARENTE e sua devotada diretora, sra. MARILENE PARENTE, pela credibilidade e consequente sucesso do Jornal do Comércio. Que venham mais anos!!!

Hoje, dia 3 de setembro, o Jornal do Comércio completa nove anos de circulação ininterrupta.

No começo, suas dimensões diminutas foram motivo de desconfiança de leitores e possíveis anunciantes. Mas, o tempo se encarregou de provar que a decisão de fazer do jeito que sempre foi estava certa.

Vamos remando no mar revolto que já engoliu tantos periódicos no decorrer desse tempo, e colocou em crise milhares de congêneres mundo a fora, em decorrência das mudanças bruscas que ocorrem cada vez mais em ritmo  alucinante.

Um jornal quinzenal tem que oferecer aos seus leitores, matérias bem elaboradas, algo diferente. Não pode ter a pretensão de concorrer com quem trabalha com a notícia no dia a dia, ou pior ainda, com quem utiliza as modernas ferramentas da Internet, em tempo real.

Em países mais adiantados do que o nosso, como nos Estados Unidos, já foi estabelecido até o ano em que os jornais de papel deixarão de existir. No Brasil, os grandes jornais, em crise, tentam equilibrar-se entre o tradicional e o moderno, insistindo nas edições diárias impressas.

Dadas às peculiaridades do meio em que circula o Jornal do Comércio, vamos continuar caminhando enquanto isso for possível, pois temos consciência da importância do nosso trabalho para a comunidade em que vivemos.

Tivemos momentos muito difíceis, que foram vencidos graças à compreensão dos nossos parceiros, pois ninguém constrói nada sozinho.

O Jornal do Comércio é fruto da junção do nosso trabalho, do apoio comercial de dezenas de anunciantes que tem nos honrados com seu patrocínio e dos nossos leitores.

Todos são muito importantes na nossa modesta história. Não queremos cometer injustiças. Por isso, apenas três nomes que participaram dos primeiros momentos do JC serão citados, homenageando a todos que tem nos prestigiado ao longo desses nove anos. Wilmar Freire, que viabilizou equipamento e apoio logístico para que fosse possível começar, Sidney Mota (o Ney Gordo), que foi fundamental para a impressão das primeiras edições, e Luiz Gomes, então gerente da Casa das Tintas, empresa que nos proporcionou o primeiro anúncio comercial do Jornal do Comércio, a partir do qual outros foram atraídos.

Ano que vem, com a graça de Deus, realizaremos um evento para marcar a passagem do décimo ano de existência do Jornal do Comércio. Por hoje, vamos ficar com as primeiras páginas que exibiremos a seguir, para relembrar alguns dos momentos deste periódico. Selecionamos nove, para simbolizar cada ano do jornal. Mas, não se trata de uma capa para cada ano, mas, uma seleção aleatória.

A todos aqueles que um dia, em 2005, acreditaram que daria certo, e àqueles que nos apoiaram, e aos que continuam nos apoiando, o nosso sincero agradecimento. Esperamos continuam sendo dignos da confiança de todos.

Jornal do Comércio
Jota Parente – Editor Responsável
Marilene Parente – Diretora de Marketing










Reações:

0 comentários: