18 de fevereiro de 2013

LULA SERÁ O NOVO PAPA?


Se souber que para se eleger papa não é necessário ser ordenado, Lula faria o sacrifício de se oferecer aos “companheiros cardeais”?

"Aceito substituir o companheiro Bento", diz o texto da brincadeira que circula por e-mail, junto com a montagem do rosto de Lula sobre o corpo do papa que renunciou
Nem todo mundo — nem todos os católicos — sabem que, para alguém subir ao trono de São Pedro, não é necessário ser padre, bispo, arcebispo ou cardeal. Basta ser católico e eleito pelo conclave de que, este ano, participarão 117 cardeais.
Será que Lula tem a informação? Eeeepa…
Uma vez que Lula alega pretender apoiar a reeleição da presidente Dilma em 2014, e, portanto, não será candidato a nada, não estranhemos se ele resolver seguir para a Roma e se declarar à disposição dos 117 “companheiros cardeais” para substituir Bento XVI.
Modéstia para isso não falta ao ex-presidento, não é mesmo?
Como, por não ser natural do país, ele não pode se candidatar a presidente dos Estados Unidos, ele se contentaria em morar no Palácio Apostólico em vez de na Casa Branca.
Ou não?
Já falar sobre o “caso Rose”… O ex-presidento está silente há 84 longos dias, como assinala implacavelmente a home page do blog de Augusto Nunes.

Reações:

2 comentários:

Luigi Paipai disse...

"abemus papa"

Luigi Paipai disse...

"bebemus cachaça cumpanheiro"