Desperdício de dinheiro público!

Governo da Prefeita Eliene Nunes Joga dinheiro no ralo em obra que não deu certo 2 vezes (Ponto de Moto-taxi).

AÇÃO SORRISO!

Ajudando A Criar Um Mundo Melhor!

Valmir Climaco, Trabalhando Para Desenvolver a Região!

Bela Orla, calma e serena!

Uma das mais lindas paisagem desta região, o Rio Tapajós!.

22 de junho de 2017

ITAITUBA/PA - EX-PREFEITA ELIENE NUNES LEVA MAIS UMA DERROTA. JUIZ ELEITORAL JULGA IMPROCEDENTE AÇÃO DE CAIXA 2!



O juiz eleitoral Rafael Grash, da 34ª zona eleitoral de Itaituba, no oeste do Pará, julgou improcedente uma ação eleitoral que visava cassar o mandato do prefeito eleito de Itaituba, Valmir Climaco de Aguiar, do PMDB. 

A ação foi protocolada no ano passado, no período eleitoral, pela coligação da prefeita e candidata à reeleição Eliene Nunes. 

O advogado de Eliene é Inocêncio Mártires. Na visão do advogado, Valmir teria praticado o crime de Caixa 2 no período eleitoral, omitindo valores em prestação de contas.

No entanto, o juiz eleitoral não vislumbrou a prática de caixa 2 na conduta da coligação do prefeito eleito, e sentenciou pela improcedência da Ação de Investigação Eleitoral, determinando o seu arquivamento.

Leia abaixo a conclusão da sentença, que já está a disposição no cartório eleitoral e também no site do TRE.



Fonte: Jota Parente, via Pará News

21 de junho de 2017

COISAS DE BRASIL - PRESIDIÁRIOS RECLAMAM DA VIDA DE CACHORRO NA CELA. E CAUSAM REVOLTA!

ONG Gera revolta ao fazer vídeo em que presidiários reclama da cela “Um cachorro la na rua tem mais que nós”

Um ONG que defende os direitos humanos fez um vídeo em que mostra vários detentos em uma cela “apertada”; um dos detentos reclama das condições “sub-humanas” em que vive e diz:

– ”Essa cela aqui como você esta vendo ai 25 pessoas dentro desta cela aqui ó Até um cachorro la na rua tem mais espaço que a gente la em fora e nem esta vivendo entre as grades, a grande maioria esta no direito de ir pro semi-aberto de ir pra liberdade, eu mesmo sei que já sei no direito de ir pro semi-aberto trabalhar”.

O vídeo gerou revolta nos internautas e gerou até risos de muitos; em algumas pessoas chegaram a comentar.

“Quem mandou roubar? agora reclamam que as pessoas que eles assaltaram? e as pessoas que eles mataram?”

Veja o vídeo.
video

MENTIRA! - BRASIL NÃO VAI ABRIGAR 1.8 MILHÃO DE MUÇULMANOS!

Brasil vai receber 13 navios com refugiados muçulmanos e está criando cidade para abrigá-los? Não é verdade!


BRASIL VAI RECEBER 13 NAVIOS COM REFUGIADOS MUÇULMANOS E ESTÁ CRIANDO CIDADE PARA ABRIGÁ-LOS? NÃO É VERDADE!

MENSAGEM TEM SIDO BASTANTE COMPARTILHADA NAS REDES. AGÊNCIA DA ONU PARA REFUGIADOS, MINISTÉRIO DAS RELAÇÕES EXTERIORES E GOVERNO DE GOIÁS DIZEM QUE INFORMAÇÃO É FALSA.

Circula pelas redes sociais a informação de que começarão a chegar em julho 13 navios vindos da Europa com 1,8 milhão de refugiados muçulmanos e que uma cidade está sendo construída para abrigá-los. Não é verdade.

A mensagem tem sido compartilhada por grupos que se opõem à nova Lei de Migração, sancionada em maio pelo presidente Michel Temer.

A Agência da ONU para Refugiados (Acnur) no Brasil diz que desconhece tal informação e que ela não procede. O Ministério das Relações Exteriores informa que a notícia é falsa e não tem nenhum fundamento.

A Lei de Migração (e não Lei do Imigrante, como diz a mensagem) regula a entrada e estada no Brasil dos migrantes e visitantes e estabelece diretrizes para as políticas públicas voltadas para esse público. A proposta substitui o Estatuto do Estrangeiro, de 1980.

No próximo dia 20 deste mês, é comemorado o Dia Mundial do Refugiado.

Essa não é a primeira vez que grupos contrários à Lei de Migração atuam em redes sociais para espalhar notícias falsas. Em maio, eles conseguiram viralizar uma mensagem que dizia que a embaixada do Brasil no Paquistão alertava contra a conversão de brasileiras ao islamismo, o que também não é verdade.


Veja o que diz a falsa mensagem:

“ONU E OS 13 NAVIOS VINDOS DA EUROPA (Lei do Imigrante aprovada pelo Temer).

A partir de Julho começam a chegar no Brasil os navios que trarão cerca de 1 milhão 800 mil refugiados vindos da Europa. O alto comissário da ONU para Direitos Humanos, Zeid Raad al-Hussein, diz que o Brasil é exemplo ao mundo quanto a receber os muçulmanos que ninguém quer, e estão exportando da Europa.


OBS: Vejam o nome da criatura da ONU !!

TERESINA/PI - OFICIAL DO EXÉRCITO MATA NAMORADA POR CIÚMES

Oficial do Exército mata a namorada a tiros por crise de ciúmes
Da redação

José Ricardo é tenente do Exército
O oficial do Exército de nome José Ricardo da Silva Neto, 22, foi preso em flagrante após ter assassinado a tiros a jovem Yarla Lima Barbosa, sua namorada, na madrugada da última segunda-feira (19), em Teresina, no Piauí.

O casal estava em um bar, em companhia de duas jovens, na Avenida Nossa Senhora de Fátima, Zona Leste de Teresina. Em certo momento, eles entraram em uma discussão, supostamente motivada por ciúmes. Saindo do local, já dentro do carro, José Ricardo pegou uma arma de fogo e disparou contra Yarla, que morreu na hora, no banco da frente do veículo em que se encontrava. A sua irmã e outra colega fugiram, mas ainda saíram feridas por tiros da arma do criminoso.

Após o crime, a Polícia foi acionada e perseguiu o suspeito, que foi encontrado em seu apartamento, no bairro Santa Isabel, com um tiro que ele próprio deu na coxa acidentalmente. O corpo da namorada ainda estava no carro dele, no local onde José Ricardo foi encontrado. O homem foi preso.
 
 
 Yarla era estudante e natural do Maranhão.


PORTUGAL - INCÊNDIO DURA MAIS DE 24H E JÁ FEZ MAIS DE 60 ÓBITOS

Incêndio em Portugal dura mais de 24 horas; mais de 60 morreram

Mais da metade das vítimas (30) morreu carbonizada dentro de seus carros na estrada entre Figueiró dos Vinhos e Castanheira de Pêra.

Por G1

Floresta perto de Bouca, na região central de Portugal, neste domingo (18) (Foto: Rafael Marchante/ Reuters)

O incêndio florestal que atinge Pedrógão Grande, na região de Leiria, no centro de Portugal, já dura mais de 24 horas. No último balanço divulgado na manhã deste domingo (18), 61 pessoas morreram e 54 ficaram feridas, de acordo com a mídia portuguesa. O incêndio já é considerado uma das maiores tragédias dos últimos 50 anos no país.

As autoridades chegaram a dizer que 62 tinham morrido e 59 tinham ficado feridos, mas recuaram. A expectativa é de um aumento nesse balanço nas próximas horas. A hipótese de incêndio criminoso foi descartada e as equipes de resgate, com cerca de 1,6 mil integrantes, estão mobilizadas.

Mais da metade das vítimas (30) morreu carbonizada dentro de seus carros na estrada entre Figueiró dos Vinhos e Castanheira de Pêra, que foi tomada pelo fogo no sábado (17). O secretário de Estado da Administração Interna, Jorge Gomes, informou que, entre os feridos, 18 foram levados para hospitais. Quatro bombeiros e uma criança estão em estado grave.

Região central de Portugal é atingida por um dos maiores incêndios florestais da história

Sobreviventes relatam cenas de desespero e dizem que as chamas se espalharam rapidamente. Na noite de sábado, Rodrigo Rosário, de quatro anos, e o tio, Sidel Belchior, de 37 anos, morreram ao tentar fugir do incêndio. O carro em que eles estavam se envolveu em um acidente com outro veículo, em Nodeirinho.

O tio, o sobrinho e o motorista do outro carro ainda conseguiram deixar os automóveis, mas uma árvore em chamas caiu na estrada e eles não conseguiram escapar, segundo o jornal português “Diário de Notícias”.

O fogo começou por volta das 15h de sábado horário local (11h em Brasília). Além dos mais de 1,6 mil integrantes das forças de segurança, 495 veículos foram mobilizados para combater as chamas. Cerca de 150 pessoas estão desabrigadas, depois que as equipes de segurança esvaziaram três aldeias. A intensa nuvem de fumaça impediu a circulação de aeronaves que poderiam ajudar no combate às chamas nesta manhã. A União Europeia ofereceu ajuda a Portugal.
Bombeiros combatem incêndio na floresta perto de Bouca, na região central de Portugal (Foto: Rafael Marchante/ Reuters)

'Trovoadas secas'
"A dimensão deste fogo foi tal que não temos lembrança de tal tragédia humana", disse o primeiro-ministro português, Antonio Costa, quando chegou a Pedrogão Grande, uma área montanhosa cerca de 200 km a nordeste de Lisboa.

O diretor nacional da Polícia Judiciária, Almeida Rodrigues, descartou que incêndio seja criminoso. "Tudo aponta muito claramente para que sejam causas naturais. Conseguimos determinar que 'trovoadas secas' estejam na origem do incêndio. Encontramos uma árvore atingida por um raio", afirmou.
Carro incendiado abandonado em rodovia após incêndio florestal perto de Pedrógão Grande, na região central de Portugal (Foto: Rafael Marchante/Reuters)

As ‘trovoadas secas’ são chuvas que evaporam antes de chegar ao solo, mas que são acompanhadas por raios que provocam faíscas ao tocar a superfície. Na ausência de água e na presença do vento, as chamas se espalham rapidamente. Os "ventos descontrolados" transformaram um fogo de pequenas dimensões em "um incêndio impossível de controlar".

As chamas se espalham a partir de quatro focos pela região, que fica próxima a Coimbra e entre as duas maiores cidades portuguesas: Lisboa e Porto.
Risco extremo

O jornal “Público” afirma que, até as 21h deste domingo, as cidades de Lisboa, Santarém, Setúbal e Bragança estão sob alerta vermelho do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA). Esse nível indica que a situação meteorológica de risco extremo para a ocorrêndia de incêndios.

Exceto o distrito de Faro, o restante do país está sob aviso laranja - o segundo mais grave em uma escala de quatro, que aponta para um risco entre moderado a elevado. O governo decretou três dias de luto nacional.

O sábado foi de forte calor no país, com temperaturas que superaram os 40 graus em várias regiões. Após ter registrado poucos incêndios florestais em 2014 e 2015, Portugal foi duramente atingido no ano passado, com mais de 100 mil hectares de florestas devastadas em seu território continental.

Bombeiros tentam combater o incêndio florestal de atingir a vila de Avelar, na região central de Portugal, durante o amanhecer deste domingo (18) (Foto: Armando Franca/AP)

No Vaticano, o Papa Francisco, que visitou Portugal no mês passado, mencionou as vítimas em seu discurso semanal: "Estou perto do povo querido de Portugal, atingido por um fogo devastador que está furioso nas florestas em torno de Pedrogão Grande, causando muitos Vítimas e ferimentos. Rezemos em silêncio".
Casa é fica danificada após incêndio em Pedrogão Grande, em Portugal, neste domingo (18) (Foto: Miguel Vidal/ Reuters)

19 de junho de 2017

INTERNET - ENCONTRE AS SENHAS DE WI-FI GRÁTIS PERTO DE VOCÊ

O Instabridge é um aplicativo gratuito para celulares Android e iPhone (iOS) cujo objetivo é disponibilizar para os usuários informações sobre conexões de Internet sem fio próximas a ele. Apesar deste nome, ele não tem qualquer relação com o Instagram. Além de identificar conexões Wi-Fi gratuitas, o aplicativo é capaz de sincronizar os dados de rede em todos os dispositivos.

Os criadores do app garantem que o procedimento não infringe nenhuma lei. Eles esclarecem que o aplicativo "não irá hackear nem mudar a senha de nenhum Wi-Fi" e também afirmam que o usuário "será conectado legalmente a senhas públicas e compartilhadas".

A utilização é simples. Primeiramente, ele mostra um mapa recheado de opções de conexões. Basta dar zoom para aproximar ao máximo da sua área e ver as que estão disponíveis. Então, haverá sinalizações das redes liberadas, daí é só tocar nela para acessar a Internet.

Conforme as redes são usadas, outras pessoas podem ver o número acessos daquela conexão recentemente. O que facilita nas buscas por uma rede. É possível até favoritar tais redes e agradecer aos donos delas. Assim, cria-se uma grande teia de compartilhamento de WiFi.

Enquanto navega, o usuário ainda pode visualizar informações importantes sobre a sua conexão. Como o tempo, os dados consumidos e as velocidades de download e upload – fazendo com que ele seja um cliente completo de WiFi. Por isso, baixe agora Instabridge e aproveite a Internet sem fio de todo o mundo!

Nossa opinião

Instabridge é um aplicativo bem interessante. Com ele, você terá a opção de buscar redes WiFi próximas. Além disso, funciona como um monitor com recursos simples, porém muito úteis, para se identificar os detalhes sobre as conexões às quais o seu dispositivo for conectado.

O TechTudo testou o aplicativo em um Galaxy, e ele se saiu muito bem. A descoberta de redes funcionou tranquilamente, e a conexão a elas também não foi nenhum problema. Ele também agrada visualmente com uma interface intuitiva e bonita, porém semelhante a de outros apps.

Muitos aplicativos têm esta função de descoberta de redes, mas o Instabridge é uma solução diferente e muito boa. Além do gerenciamento das informações das redes, os usuários podem salvá-las, avaliar as conexões e deixar opiniões e análises para os outros internautas.

A avaliação dele teve uma performance boa, suas funcionalidades são úteis além de boa usabilidade. Apesar de não ser tão diferenciada assim, a interface cumpre bem seu papel e é mais atrativa do que a da maioria dos concorrentes.

Prós
Simples utilização
Descoberta eficiente
Sistema “social”
Contras
Interface semelhante a de concorrentes


 

MUNDO - QUEM DISSE QUE VIRÁ MAIS DE UM MILHÃO DE REFUGIADOS PARA O BRASIL??

Nº de refugiados e deslocados cresce em 2016 e é o maior já registrado, diz relatório

65,6 milhões de pessoas passaram por deslocamento devido a conflitos, guerra e/ou fome, segundo a Acnur. Países em desenvolvimento acolhem 84% dos refugiados e deslocados, e metade é criança.

Por Viviane Sousa, Globo News


Mais de 10 milhões de pessoas foram obrigadas a deixar suas casas pela primeira vez em 2016 (Foto: Alessandro Penso/UNHCR)

Conflitos locais, guerra civil e fome fizeram com que o número de refugiados e deslocados no mundo aumentasse ainda mais em 2016, segundo relatório divulgado nesta segunda-feira (19), tornando a atual crise humanitária a mais grave desde a fundação da ONU, em 1945.

Os países com maior número de refugiados são Síria, Afeganistão, Sudão do Sul e Somália, e os países que mais os recebem são Turquia, Paquistão, Líbano, Irã, Uganda, Etiópia e Jordânia, não países desenvolvidos (veja mais abaixo).

O número de refugiados e deslocados no mundo atingiu 65,6 milhões de pessoas no ano passado, um crescimento de 300 mil na comparação com 2015, segundo o Relatório Global Sobre Deslocamento Forçado em 2016, divulgado pelo Alto Comissariado da ONU para Refugiados (Acnur).

Desse total, 10,3 milhões foram forçadas a deixarem seus lares pela primeira vez (15,7%) e metade são crianças. Crianças que viajavam sozinhas ou separadas de seus pais pediram cerca 75 mil solicitações de refúgio só no ano passado.

A guerra na Síria, que já dura 6 anos, é a causa do maior fluxo de refugiados do planeta. São 5,5 milhões de pessoas que deixaram o país em busca de um local mais seguro, segundo o relatório do Alto Comissariado da ONU para Refugiados (Acnur).

Países de origem dos refugiados em 2016:
Síria: 5,5 milhões
Afeganistão: 2,5 milhões
Sudão do Sul: 1,4 milhão
Somália: 1,0 milhão

Crianças são metade do número de pessoas em deslocamento forçado no mundo (Foto: Alessandro Penso/UNHCR)

Mas, durante 2016, os conflitos entre o governo do Sudão do Sul e grupos rebeldes trouxeram um novo elemento à crise humanitária. Aproximadamente 740 mil sul-sudaneses foram forçados a se deslocar no ano passado devido à guerra civil, e o número de refugiados do país subiu para 1,87 milhão.

No início deste ano, ONU e o Sudão do Sul declararam estado de fome no país, com cem mil pessoas em risco de inanição. A falta de comida e o colapso econômico são provocados pela guerra civil iniciada há 3 anos.

Refugiados acolhidos

Países em desenvolvimento foram os que mais acolheram os refugiados em 2016. Dos 65,6 milhões de refugiados ou deslocados, 84% estão em países de renda média a baixa, sendo que 4,9 milhões foram recebidos pelos países menos desenvolvidos. Uganda, Etiópia e Quênia, que são vizinhos do Sudão do Sul, receberam cerca 700 mil refugiados.

O número mostra falta de consenso internacional quando se trata de acolhimento, segundo o relatório do Acnur, e desmitifica a ideia de são os países mais desenvolvidos que mais prestam assistência aos refugiados, afirma oporta-voz do Acnur no Brasil, Luiz Fernando Godinho. "Isso mostra a necessidade de que esses países de renda média ou baixa sejam melhor assistidos pela comunidade internacional"

Países que mais receberam refugiados:

Turquia: 2,9 milhões
Paquistão: 1,4 milhão
Líbano: 1 milhão
Irã: 979,4 mil
Uganda: 940,8 mil
Etiópia: 791,6 mil
Jordânia: 685,2 mil

O relatório também faz um alerta para o elevado número deslocamentos internos: 6,9 milhões de pessoas forçadas a se deslocar dentro dos seus próprios países. A Síria, Iraque e Colômbia são os países com maior número de refugiados internos.

Segundo o porta-voz do Acnur no Brasil, os dados podem indicar uma tendência de aumento do fluxo de refugiados no futuro, pois esses deslocamentos internos mostram que as pessoas tentam ficar nos países onde nasceram antes de se refugiar em outros países.

ESPORTE - MORRE LUTADOR DE UFC APÓS NOUCATE

Ex-UFC Tim Hague morre aos 34 anos após sofrer nocaute em luta de boxe
Lutador canadense teve hemorragia cerebral e estava hospitalizado desde sexta-feira


Por Combate.com
Edmonton, Canadá
Tim Hague posa na pesagem de uma de suas lutas no UFC, em 2011 (Foto: Getty Images)

O lutador canadense Tim Hague morreu na tarde deste domingo aos 34 anos de idade, de acordo com um comunicado publicado por sua família nas redes sociais. O atleta, que teve passagens pelo UFC, faleceu menos de 48 horas depois de sofrer um nocaute numa luta de boxe na última sexta-feira em Edmonton, no Canadá.

Hague estava em condição crítica num hospital desde que enfrentou o ex-jogador de futebol americano Adam Braidwood no Shaw Conference Centre na sexta-feira. O peso-pesado recebeu diversos knockdowns em apenas dois rounds de luta, mas o árbitro não decretou o nocaute até que o lutador estivesse apagado. Segundo o jornal canadense "Edmonton Journal", Hague sofreu uma hemorragia cerebral. Veja o vídeo da luta.

"É como incrível tristeza e dor no coração que informamos que Tim morreu hoje. Ele estava cercado por família, ouvindo suas músicas favoritas. Vamos sentir muita falta dele", diz o comunicado publicado por sua família nas redes sociais.

Ainda de acordo com o "Edmonton Journal", a comissão atlética de Edmonton está conduzindo uma investigação sobre o caso e pediu relatos de todos os árbitros, juízes, médicos e inspetores que trabalharam na luta.

Tim Hague é amparado pelo árbitro após cair nocauteado em luta de boxe (Foto: Reprodução/Youtube)

Timothy Edward Lee Haghe (9 de maio de 1983 - 18 de junho de 2017) tinha 34 anos na ocasião de sua morte. Ex-professor do ensino primário em Alberta, no Canadá, o lutador começou sua carreira no MMA em 2006 e conquistou o cinturão peso-pesado do evento King of the Cage em sua quinta luta profissional. Ele chegou ao UFC em 2009, mas, em duas passagens pela companhia, obteve um cartel de apenas uma vitória e quatro derrotas - neste período, foi vítima do nocaute mais rápido da história da companhia, em 7s, contra Todd Duffee. Sua última luta de MMA foi em julho de 2016, uma derrota por nocaute técnico em 33s contra Michal Andryszak na Rússia. Seu cartel era de 21 vitórias e 13 derrotas. No boxe, Hague venceu uma luta em 2011 e perdeu duas em 2016.

18 de junho de 2017

GOIÁS - PAIS NÃO SABEM MOTIVOS PARA ASSASSINATO DE JOVEM CASAL

Mãe não tem conhecimento de desavenças do filho e da namorada mortos a tiros: 'Coração destruído'

Crime aconteceu quando Diogo trocava o pneu do carro, a cerca de 100 metros da casa de Mariana Helena, em Aparecida de Goiânia. Ninguém foi preso.

Por Paula Resende - G1
Marina Helena e Diogo são mortos a tiros em Aparecida de Goiânia (Foto: Arquivo pessoal/ Victor Siqueira)

Os parentes do casal de namorados Diogo Alves Nunes, de 21 anos, e Mariana Helena Siqueira Matias, de 20, estão indignados com o assassinato deles, em Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital. Os familiares afirmam que não têm conhecimento de desanvenças dos jovens, pois eram queridos por todos.

“Nunca imaginei que meu filho fosse morrer dessa forma, meu coração está quebrado, destruído. Eles eram pessoas maravilhosas”, disse ao G1 a mãe de Diogo, a administradora Maria José Alves Nunes, de 49 anos.

O duplo homicídio aconteceu na noite de sexta-feira (16), no Setor Mont Serrat. Segundo o Grupo de Investigação de Homicídios (GIH), Maria Helena foi encontrada morta na porta de casa. Já o namorado estava caído ao lado do carro do pai dele, um VW Jetta, a cerca de 100 metros do corpo da jovem.

O delegado Fabrício Flávio Pereira, que foi no local do duplo homicídio, suspeita que os criminosos tenham agido de forma premeditada, cortando o pneu do automóvel para obrigar Diogo a parar e trocá-lo. No momento do crime, o veículo estava suspenso por um macaco hidráulico, com o estepe e a chave de roda ao lado.

Segundo a equipe do GIH, os policiais encontraram 17 perfurações no corpo de Mariana e outras nove, no de Diogo. Porém, a quantidade de tiros só será confirmada após o laudo do Instituto Médico Legal.
Jovens estavam juntos há 2 anos e 8 meses (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)

Sem motivo
Maria José não sabe o que pode ter motivado o crime, pois não tinha conhecimento de desavenças do filho. “Eu não sei o que aconteceu. Que eu saiba, ele não recebeu nenhuma ameaça. Não tinha envolvimento com nada de errado, era tranquilo, muito esforçado, ficava muito com a Mariana, gostava de andar de moto, de carro”, relatou.

Primo de Mariana Helena, o consultor de vendas Victor Augusto Siqueira, de 33 anos, também não tem ideia do que levou alguém a matar o casal. O parente, que morava na mesma casa da jovem, considera, inclusive, que eles podem ter sido mortos por engano.

“Pela forma do crime, você pode abrir leque para tudo. Ela era uma menina muito bonita. Pode ser ciúmes, podem até ter confundido eles ”, opinou o primo.

O delegado informou que nada foi levado das vítimas, que não possuíam antecedentes criminais. A corporação busca imagens de câmeras de segurança que possam ajudar a identificar os criminosos. Até a publicação desta reportagem, ninguém havia sido preso.

Sonhos interrompidos
Diogo e Maria Helena eram os mais novos de suas famílias. Ambos tinham concluído o Ensino Médio e desejavam cursar uma faculdade.

Segundo os familiares, o rapaz trabalhava como assistente técnico em uma empresa e planejava cursar sistema de informação. Já Mariana Helena era vendedora em uma loja de um shopping e desejava estudar, no próximo semestre, medicina veterinária ou ciências da computação.

“Espero justiça, que peguem os culpados. Fizeram uma brutalidade com dois anjos que sonhavam em crescer na vida”, desabafou a mãe de Diogo.

Os corpos dos namorados foram enterrados no mesmo jazigo, na noite de sábado (17), no Cemitério Jardim da Paz.

MUNDO - FILHA DE DIEGO MARADONA DÁ RALHO EM JOGADOR BRASILEIRO, QUE FALOU BESTEIRA!

Filha de Maradona responde Daniel Alves: “Mais inteligente escolher o silêncio”
Dalma Maradona - Facebook
Dalma Maradona não gostou nada da comparação que o lateral fez entre Messi e o craque da década de 80 e publicou uma carta aberta nas redes sociais

Por Globoesporte.com

Daniel Alves se envolveu em uma saia-justa depois de criticar Diego Maradona durante uma entrevista ao canal Esporte Interativo. Depois de afirmar que Lionel Messi tinha uma história muito maior que a de Maradona no futebol mundial, o lateral ainda destacou que o craque da década de 1980 não foi um bom exemplo para as crianças que acompanham futebol.

Incomodada com as declarações, a filha de Diego tomou as dores do pai e, em carta aberta, Dalma Maradona respondeu o comentário do jogador brasileiro pelas redes sociais.

Senhor Dani Alves, me dirijo a você para explicar um pouco quem é meu pai, já que creio ter o conhecimento que você não tem. Vi o fragmento de uma nota sua e o escutei dizer que não se pode comparar Messi com meu pai. Poderia dizer que estou muito de acordo e sempre disse que cair nessa comparação é para gente ignorante, e como argentina amo o Messi e sempre celebro seus triunfos. Agora você pergunta quantas Bolas de Ouro meu pai tem e isso me dá pena, pois na época em que meu pai jogava entendo que não premiavam jogadores que não fossem europeus. Capaz de não saber disso? Você também disse que não teria orgulho de ganhar um Mundial com um gol de mão e aí, se me permite, te perguntaria se teve a possibilidade de ver o outro gol que meu pai fez naquela partida. Para terminar, disse que não colocaria meu pai como exemplo esportivo para os jovens e aí me atrevo a dizer que até meu pai estaria de acordo com você, porque ele cansou de repetir QUE NUNCA QUIS SER EXEMPLO DE NADA E QUE FEZ O QUE PÔDE. Faças-se um favor e fale com alguns de seus colegas jogadores brasileiros e pergunte quem é meu pai. Acho que muitos deles vão poder explicar perfeitamente. Termino te dizendo, em minha humilde opinião, que é mais saudável e muito mais inteligente escolher o silêncio quando realmente não se sabe de que, nem de quem se está falando. 
Passar bem! Dalma Maradona


Dalma Maradona não gostou da comparação de seu pai com Messi (Foto: Reprodução Instagram)

Na entrevista, Daniel Alves exalta seu antigo companheiro no Barcelona dizendo que Messi está muito acima do ex-capitão da seleção argentina. Messi já conquistou a Bola de Ouro cinco vezes, mas vale lembrar que o prêmio só passou a considerar jogadores não europeus a partir de 1995 e, portanto, Maradona nunca concorreu.

Confira o que Daniel Alves disse sobre Maradona:

" Não vi o Maradona tanto, então não posso falar do que eu não vi. Tem gente que gosta, tem que respeitar, mas eu vou mais além. O Messi tem um dom incrível, inquestionável. Achar que ele não é um fenômeno porque não ganhou Copa? Está de sacanagem. TV e jornais, manipulam muito. Querem comparar, mas como comparar Messi com Maradona? Quantas Bolas de Ouro o Maradona tem?”, afirmou. Com todo respeito ao Maradona, não seria um orgulho para mim falar que ganhei uma Copa do Mundo fazendo gol de mão. Mão de Deus não engana, Mão de Deus é ponta firme. Enganou todo mundo, ficou famoso por isso, beleza. Respeito o Maradona, mas para mim, como esportista, não colocaria como exemplo para jovens”.